quinta-feira, 13 de maio de 2010

Falam coisas sem pensar.
Brincadeiras sem direção. Ou obvia repreensão .
Muitas vezes não vêem o que falam.
Não sentem na pele o calafrio frio de uma frase mal dita. Maldita.

É engraçado pensar que por estar ao lado por tanto tempo, sentimos cada vez mais distantes propositalmente .
É se fazer entender do começo, meio e fim.O fim mais fácil que se pode alcançar.
O desfalecimento de emoções repentinas e vontades cheias de emoções estranhas,
nos fazem pensar que a cada dia, mais longe queremos ficar.E ficaremos.
Já deu. Não tá dando mais.
Pra ficar.

Só hoje , me disses, o que eu já tinha previsto. Anotado inclusive.
Fui certeiro . Tô cabreiro.
Se deixa invadir , por pessoas que demasiadamente te consomem o espírito,
por que teu ar, já te falta há muito tempo.

É mais pra você pensar, que olhar não diz tudo.
Não supões que um dia ou outro, nos veríamos em situações em que até então só aconteciam com os outros.

É vero. É certo. Mas é claro.
Basta se deixar busy.Isso nem é tão difícil assim, nessas circuntâncias.

Só saiba, que eu tô aqui. Ou melhor ai. Do seu lado, pro que precisar.
Embaixo da terra, ou acima do mar.
Olhando e vendo o que por você passar.



Deixo fácil meu abraço, nessa noite quase fria de quinta-feira.

Um comentário:

  1. Não há nada melhor do que um abraço sincero!! Otima semana!

    ResponderExcluir